25
Maio
11

TRIBUNAL CONFIRMA QUE ABONO DE PERMANÊNCIA NÃO DEVE SER TRIBUTADO

A decisão beneficia servidores do Plano Especial de Cargos da Polícia Federal

O Sindicato Nacional dos Servidores do Plano Especial de Cargos da Polícia Federal – SINPECPF obteve decisão favorável à não tributação da parcela referente ao abono de permanência recebida por seus filiados. No mandado de segurança impetrado por meio da assessoria jurídica Wagner Advogados Associados, a oitava turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região confirmou, por maioria, a decisão que já havia sido proferida pelo juiz de primeiro grau, inclusive, em caráter liminar: a União deve se abster de reter o imposto, bem como deve restituir as quantias indevidamente descontadas.
Dentre as alegações da Fazenda Nacional que não foram acolhidas está a de que a verba é tributável porque representa acréscimo patrimonial. Isso porque os desembargadores federais que rejeitaram a apelação da União entendem que o abono de permanência constitui uma forma de indenizar o servidor que continua na ativa, mesmo podendo se aposentar. A decisão ainda destaca a resolução editada pelo Conselho Nacional de Justiça – CNJ, órgão da cúpula da administração federal que exerce o controle externo do Poder Judiciário, na qual o abono de permanência é tratado literalmente como verba de caráter indenizatório.
– Se a União reconhece o caráter indenizatório do abono de permanência, seria um contrassenso contrariar a própria decisão da União – afirma o Desembargador Souza Prudente, ao se referir a julgado do Superior Tribunal de Justiça que considerou a parcela tributável e que vem sendo amplamente discutido pelos órgãos judiciários.
Na avaliação da desembargadora Maria do Carmo Cardoso, que também votou em favor da não tributação da parcela, cabe ao Supremo Tribunal Federal se pronunciar sobre a matéria, a fim de dirimir os grandes embates que vêm sendo travados quanto ao tema nos tribunais superiores.
O advogado integrante do escritório Wagner Advogados Associados (Assessoria Jurídica do SINASEFE Nacional), Luiz Antonio Müller Marques, diz que a confirmação pelo Tribunal da decisão de primeira instância é mais um forte indicativo de que o Judiciário, também nesse caso, reconhecerá mais uma ilegalidade praticada pelo Executivo contra os servidores públicos.
Nesse sentido, a nossa assessoria jurídica está atenta para buscarmos essa garantia dos direitos para nossos filiados.

Anúncios

0 Responses to “TRIBUNAL CONFIRMA QUE ABONO DE PERMANÊNCIA NÃO DEVE SER TRIBUTADO”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


AGENDA

JANEIRO/2014

04 - Reunião das Entidades do Serviço Público, em Brasília/DF

05 - Marcha de Abertura da Campanha Salarial 2014 dos SPFs, em Brasília/DF

06 - Seminário sobre Dívida Pública, em Brasília/DF

07 - Plenária do Fórum de Entidades do Serviço Público, em Brasília/DF

13 - Reunião da CNS, em Brasília/DF

21 - Prazo final para realização das assembleias para eleição de delegados do 28º CONSINASEFE e para discussão da greve

22 a 23 - 120ª PLENA do SINASEFE, em Brasília/DF

NOVO SITE DO SINASEFE-PA

Vídeos

Fotos

Maio 2011
D S T Q Q S S
« Abr   Jun »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Arquivos

Diretoria Executiva – Biênio 2013/2015 – Gestão Ação e Luta

Coordenação Geral
Antônio Vitorino de Morais
Acácio Tarciso Moreira de Melo
Carlos Alberto Nobre da Silva

Secretário Geral
Cledson Nahum Alves

Secretário Adjunto
Luiz Otávio Monteiro Barroso

Tesoureiro Geral
Waldemir Gonçalves Nascimento

Tesoureiro Adjunto
Bartolomeu José de Barroso Junior

Secretário de Formação Política e Sindical
José Maria Cardoso Sacramento

Secretario de Imprensa e Divulgação
Maria Grings Batista

Secretario de Assuntos Legislativos e Jurídicos
Valderino Assunção Souza

FALE CONOSCO

TWITTER

Estatísticas do Blog

  • 71,486 Visitantes

Acessos no dia de hoje

política

%d bloggers like this: